terça-feira, 24 de março de 2009

Deolinda

Os Deolinda numa palavra?? Para mim, sem dúvida, seria a palavra “originalidade”! Porque?! Passo a explicar: quando se ouve Deolinda pela primeira vez fica uma sensação… o que é isto, fado?! Pois... é precisamente isso que é original, criar uma sensação… uma sensação boa de que o que estamos a ouvir nos agrada bastante mas não entendemos como essa sonoridade nos faz lembrar o fado, se é um som tão divertido, tão sem lembrar a “tristeza” em que o fado tradicional se inspira e que o caracteriza.

Pois é isso mesmo de que se trata este projecto de música popular portuguesa. Um projecto que se inspira no fado e que recria uma sonoridade de cariz popular mas que, através do cruzamento de diferentes linguagens musicais como o jazz, a música étnica, etc. e o próprio fado, claro está, criam aquele que é o lema da banda: «Cantar a Tristeza Rindo».

A banda é assim composta por Ana Bacalhau na voz (a alma do projecto, na minha opinião, e que personifica a ‘Deolinda’), Zé Pedro Leitão no contrabaixo, Pedro da Silva Martins e Luís José Martins nas guitarras.

“Clandestino”, “Fon-fon-fon”, “Fado Toninho” são algumas das amostras de Canção ao Lado, o álbum revelação da banda.


Os Deolinda vão estar a actuar em Ourique já no próximo dia 28 de Março (Sábado), num espectáculo que começará pelas 22.30h no Pavilhão Multiusos (concerto no âmbito do evento das III Jornadas Gastronómicas do Porco Alentejano). Se estás perto e gostas da música dos Deolinda, não percas (entrada livre).

Consulta todos os concertos em agenda da banda no My Space. http://www.myspace.com/deolindalisboa

http://www.deolinda.com.pt/ site oficial

3 comentários:

kuyshi shop disse...

Deolinda é realmente um grupo muito excentrico, eu diria um fado alternativo! Tive o prazer de ver o grupo ao vivo no Festival MED e simplesmente brutal!

Obrigada Nadia por este blog de musica tao actual e organizado!!

Uma beijoca
Marta Coelho

Nádia disse...

Olá Marta,

Brigadão plo elogio e plo coment claro... são sempre esclarecimentos adicionais muito úteis e que complementam o post.

thank you e continua a visitar ;)

Anônimo disse...

nádia,
me atraiu o sugestivo nome "de olinda".
olindense que estou, curti muito!